Exposição de Pintura PAISAGENS SEM NOMES

Voltar

 

PAISAGENS SEM NOMES
Exposição de Pintura de António Monteiro

Sala de exposições temporárias | Mosteiro de Santa Clara-a-Velha

Inauguração dia 14 de junho pelas 18 horas

 

Olhando para as obras de António Monteiro vê-se um conjunto de telas coerentes e com homogeneidade, todas diferentes, mas todas com uma inspiração comum, como se fossem distintos andamentos de uma única peça musical. Não estamos, claramente, num campo do puro abstracionismo, pois aquilo que cada peça mostra é a expressão plástica da interiorização estética, psicológica e emotiva de um lugar, de uma paisagem ou local que marcaram, pela força da própria obra da Natureza. (Professor Doutor Pedro Dias)

A pintura, o discurso plástico da obra, expressa as emoções espontâneas de um percurso de vida, em diferentes representações de espaços reais. Estas surgem como aspirações criativas de sobreposições cromáticas no uso livre da cor, técnicas e materiais. As cores, o brilho e a luz concretizam-se em movimentos de múltiplas formas e é através desta liberdade singular que o olhar, o espaço e o tempo, exprimem sensações do quotidiano.

 

Biografia

António Monteiro é natural do concelho de Arganil e residente em Coimbra.

É licenciado em arquitetura pela Escola Superior de Belas Artes de Lisboa.

A Arquitetura

Desenvolve projetos de arquitetura em Portugal, África e América Latina, sendo exemplos entre outros, o Estádio Municipal de Coimbra e a Arena Grêmio de Porto Alegre no Brasil. Foi consultor de diversas Câmaras Municipais e entidades públicas e privadas.

A Pintura

Desde jovem encontrou na pintura, uma forma de expressão artística, a qual se tem revelado em representações plásticas que definem um percurso de vida. Está representado em coleções privadas em Portugal e no Brasil.

Data: 14/06/2018 a 29/07/2018

Local: Mosteiro de Santa Clara-a-Velha

Publicação: 12-06-2018

Categorias

Partilhar

Notícias e Eventos

Em Destaque