px acessibilidade mapa do site contactos pesquisa área de entidades copyright       
px
px Delegação px Noticias px Eventos px Entidades px Museu px Formulários px FAQ px Hiperligações px Procedimentos Concursais Comuns px Contratação Pública px
px
px
Distrito de Leiria   Distrito de Coimbra   Distrito de Coimbra (2)   Distrito de Viseu   Distrito de Aveiro   Distrito de Aveiro (2)
px

Distrito de Viseu > Concelho de Vouzela >
Viseu Rural 2.0: [Re]expressar o Rural - Binaural - Associação Cultural de Nodar

Viseu Rural 2.0: [Re]expressar o Rural - Binaural - Associação Cultural de Nodar px
18/1/2018 a 31/8/2018
16 de janeiro a 31 de agosto de 2018

Exposição “Viseu Rural 2.0: [Re]expressar o Rural” patente na Casa de Lavoura e Oficina do Linho de Várzea de Calde até 31 de agosto de 2018 obtém selo de evento oficial do Ano Europeu do Património Cultural.

#EuropeForCulture #ViseuFolk #BinauralNodar #TramontanaNetwork

A Comissão Europeia acabou de atribuir o selo de evento oficial do Ano Europeu do Património Rural de 2018 à exposição “Viseu Rural 2.0: [Re]expressar o Rural” patente na Casa de Lavoura e Oficina do Linho de Várzea de Calde, com curadoria da Binaural/Nodar e cofinanciada com o Município de Viseu e pelo Programa Europa Criativa da Criativa da União Europeia (Rede Tramontana de arquivos da memória de zonas rurais europeias).

Esta atribuição foi concedida diretamente pela Comissão Europeia, a primeira a nível nacional, pelo facto de a exposição patente ser parte integrante do projeto europeu Tramontana, como tal projetando o património cultural das zonas rurais do município de Viseu para além fronteiras, numa lógica de diálogo profícuo com outras regiões rurais europeias, que partilham em muitos casos de tradições e memórias semelhantes.

A exposição “Viseu Rural 2.0: [Re]expressar o Rural” está patente até 31 de agosto de 2018 e constitui o resultado final de três anos de intervenção numa parceria extremamente ativa da Binaural/Nodar com o Casa de Lavoura e Oficina do Linho de Várzea de Calde e com a Junta de Freguesia de Calde, a qual se materializou em dezenas de recolhas videográficas e sonoras ligadas ao ciclo do linho realizadas com habitantes locais e a diversos trabalhos agrícolas e profissões tradicionais, numa série vasta de captações de paisagens sonoras da ruralidade da freguesia, no acolhimento de várias obras criativas desenvolvidas na freguesia por artistas nacionais e estrangeiros e a cerca de vinte ações educativas de descoberta sonora do espólio da Casa de Lavoura e Oficina do Linho.

A Rede Tramontana de arquivos da memória de zonas rurais europeias reúne atualmente um conjunto de entidades culturais independentes que desenvolvem trabalho etnográfico em zonas de montanha de Portugal (Binaural/Nodar), Espanha (Audiolab), França (Nosauts de Bigòrra, Numériculture Gascogne e Eth Ostau Comengés), Itália (Bambun e LEM Itália) e Polónia (Akademia Profil), sendo o projeto atualmente liderado enquanto chefe-de-fila pela Binaural/Nodar.

A Rede Tramontana a ser promovida pela Comissão Europeia no âmbito do Ano Europeu do Património Cultural 2018, como um “Caso de Sucesso”, um projeto paradigmático do tipo de abordagem, simultaneamente ancorada nos territórios e suas tradições e num sentido de abertura, de cooperação internacional e de contemporaneidade.

Eis um vídeo editado pela Comissão Europeia com material audiovisual fornecido pelos parceiros, que inclui uma grande quantidade de excertos do trabalho da Binaural/Nodar nas zonas rurais da região de Viseu Dão Lafões.

https://www.facebook.com/CreativeEuropeEU/videos/1597616120276890/

O Ano Europeu do Património Cultural de 2018 visa dar destaque à riqueza do património cultural da Europa, salientando o seu papel na promoção de um sentimento partilhado de identidade e na construção do futuro da Europa.
O Ano Europeu do Património Cultural pretende, pois, sensibilizar para a importância social e económica do património cultural. Milhares de iniciativas e eventos em toda a Europa darão a possibilidade de envolver cidadãos de todas as origens. O objetivo é alcançar um público tão vasto quanto possível, em particular as crianças e os jovens, as comunidades locais e as pessoas que raramente têm contacto com a cultura, a fim de promover um sentimento comum de apropriação.
Projetos e iniciativas implementados nos Estados-Membros da UE, nos municípios e regiões serão complementados por projetos transnacionais financiados pela UE.


Local

Casa de Lavoura e Oficina do Linho de Várzea de Calde

Outras informações

Binaural - Associação Cultural de Nodar
Rua do Seixo, Nº 5
3670-280 Vouzela Portugal
Tel. +351 232 723 160
Email: luis.costa@binauralmedia.org
Web :
http://www.binauralmedia.org
http://www.re-tramontana.org
http://www.soccos.eu

Áreas

Eventos no mesmo Distrito

 

* A informação aqui apresentada foi disponibilizada pelas Câmaras Municipais e/ou agentes culturais. A DRCC declina a responsabilidade sobre qualquer erro e/ou omissão.