px acessibilidade mapa do site contactos pesquisa área de entidades copyright       
px
px Delegação px Noticias px Eventos px Entidades px Museu px Formulários px FAQ px Hiperligações px Procedimentos Concursais Comuns px Contratação Pública px
px
px
Distrito de Leiria   Distrito de Coimbra   Distrito de Coimbra (2)   Distrito de Viseu   Distrito de Aveiro   Distrito de Aveiro (2)
px

Distrito de Coimbra > Concelho de Coimbra >
Baklite - CAV. Centro de Artes Visuais

Baklite - CAV. Centro de Artes Visuais px
7/12/2016 a 12/3/2017
Inauguração 17 de Dezembro | sábado | 22h00
17 de dezembro a 12 de março 2017

Baklite de Alexandre Estrela

Com curadoria de Sérgio Mah
Com o título de Baklite (conjugação das palavras baquelite e backlight), a exposição reúne sete obras produzidas no corrente ano: cinco são inéditas e as outras duas nunca foram apresentadas em Portugal.

Ao longo das últimas duas décadas, Alexandre Estrela (Lisboa, 1971) construiu uma das obras mais originais e idiossincráticas do panorama das artes visuais em Portugal. É um trabalho que aglutina e sobrepõe um leque muito diversificado de domínios e referências, das ciências à cultura popular, do cinema às artes plásticas, sendo de sublinhar, neste último caso, o seu manifesto interesse pelo legado das práticas experimentais e conceptuais que contribuíram decisivamente para a formação de um campo heterodoxo, indefinível e inclassificável entre as artes visuais e o filme experimental, dando expressão a uma vasta e incisiva averiguação sobre a natureza e o alcance da imagem.
Embora a sua formação académica tenha sido em Pintura, o trabalho de Alexandre Estrela tem, contudo, privilegiado a exploração de questões e temas relacionados com as qualidades da imagem (técnica) em estreita articulação com as potencialidades intrínsecas aos dispositivos de captação, edição e exibição de imagens, designadamente nos domínios do vídeo. Para o artista, o carácter eminentemente factício e paradoxal da imagem induz todo um campo de

ALEXANDRE ESTRELA
Baklite possibilidades de reformular – desestabilizar, iludir, expandir – o arco das relações e transmutações entre imagem, médium e percepção.
Com o título de Baklite (conjugação das palavras baquelite e backlight), a exposição reúne sete obras produzidas no corrente ano: cinco são inéditas e as outras duas nunca foram apresentadas em Portugal. São peças que lidam com o fotográfico, por terem origem em imagens fotográficas, ou por explorarem características associadas à fotografia. Mas por outro lado é de salientar que são obras fortemente comprometidas com as suas condições físicas e espaciais, envolvendo vários tipos de materiais e elementos arquitectónicos, como componentes de uma grande instalação.
Ao desviar-nos das expectativas figurais de modo a explorar as potencialidades plásticas e derivações semânticas das imagens, Alexandre Estrela procura um novo horizonte perceptivo e artístico, um campo alternativo de experiências visuais, onde as imagens, para além do seu valor específico, cumprem uma função heurística, a indagação de profícuas conexões entre imagem fixa e imagem em movimento, entre figuração e abstracção, entre bidimensionalidade e tridimensionalidade, entre som, imagem e texto, pontuações de um peculiar universo especulativo e criativo que olha de frente para o modo como os dispositivos tecnológicos proporcionam processos de passagem, transformação e reconfiguração do visível.
Sérgio Mah

Local

CAV. Centro de Artes Visuais

Outras informações

CAV. Centro de Artes Visuais
Colégio das Artes (Pátio da Inquisição, 10)
Apartado 6026
3000-221 Coimbra
Portugal

T. +351 239 836 930
F. +351 239 820 154
E. info@cav-ef.net

Áreas

Eventos no mesmo Distrito

Eventos no mesmo Concelho

 

* A informação aqui apresentada foi disponibilizada pelas Câmaras Municipais e/ou agentes culturais. A DRCC declina a responsabilidade sobre qualquer erro e/ou omissão.